menu
Notícias / Estado

Quinta-feira terá nova rodada de chuva forte e temporais no sul do país

Metade Norte do Rio Grande do Sul e parte de Santa Catarina terão alto risco de chuva intensa e temporais nesta quinta

Data de publicação: 16 de novembro de 2023
Hora: 07:00h
Créditos: ESTAEL SIAS
Fonte: MetSul Meteorologia



A chuva persiste e, em algumas áreas, deve aumentar nesta quinta-feira no Sul do Brasil com a formação de novas áreas de instabilidade sobre a região e que devem atingir em especial o Rio Grande do Sul e parte de Santa Catarina com chuva forte e volumosa, além do risco de temporais isolados.

O feriado foi marcado por chuva na maior parte do estado gaúcho com acumulados de 30 mm a 50 mm até o fim da tarde em diversos municípios dos vales e da Grande Porto Alegre. A capital registrou pancadas fortes a torrenciais com trovoadas a partir da tarde, sobretudo no entardecer.

No interior, o feriado foi marcado por queda de granizo em municípios de diferentes regiões do estado gaúcho com registro do fenômeno, por exemplo, em cidades como Alegrete, Pontão e Soledade.

Na noite desta quarta, a faixa entre o Centro do estado, os vales e a Grande Porto Alegre, o que inclui a capital, segue com risco de chuva por vezes forte a intensa com raios em diferentes cidades.

E a chuva segue nesta quinta no Rio Grande do Sul e se concentra na Metade Norte, onde no decorrer do dia devem ser esperadas pancadas localmente fortes a torrenciais com altos volumes em curto período e risco de alagamentos em alguns pontos.

Pode chover muito forte a intensamente em períodos do dia nesta quinta em pontos do Noroeste, Alto e Médio Uruguai, Planalto Médio e Serra. Há chance ainda de temporais isolados com raios, vento forte e granizo.

No Oeste e no Sul do Rio Grande do Sul, ao contrário, o tempo firme predomina com nuvens, mas ocorrem aberturas de sol em várias cidades ao longo desta quinta. Por isso, aquece mais nesta quinta em cidades destas regiões.

Os mapas que você confere a seguir mostram a tendência de chuva no Sul do Brasil nesta quinta para os turnos da madrugada, manhã, tarde e noite, de acordo com a saída das 12Z de hoje do modelo do Centro Meteorológico Europeu (ECMWF).

A MetSul reitera o seu alerta que volumes excessivos a extremos de chuva devem ser esperados até o sábado em parte do Sul do Brasil. Os acumulados muito altos de chuva devem levar a inundações, cheias de rios e enchentes. O quadro pode ser considerado de altíssimo risco e perigoso, considerando os volumes extremos e onde devem se dar, sobre algumas das principais bacias hidrológicas.

A chuva excessiva se somará aos volumes já muito altos ocorridos nos últimos dias, o que agrava o risco de cheias. Os mais altos volumes devem se dar na Metade Norte gaúcha, Santa Catarina e no Sul do Paraná.

Uma área de baixa pressão profunda seguida de uma frente fria vai intensificar bastante a instabilidade no Sul do Brasil entre amanhã e o sábado, elevando o potencial de chuva localmente forte a torrencial com possibilidade de muito altos volumes de precipitação em curto período. Porto Alegre e região estão na área de elevado risco de chuva intensa com alagamentos entre amanhã e o sábado.

Modelos numéricos são unânimes em indicar volumes muito altos principalmente para a Metade Norte do Rio Grande do Sul e parte de Santa Catarina com marcas generalizadas acima de 100 mm e acumulados em diversos municípios entre 150 mm e 300 mm até o sábado. Sucessivas áreas de instabilidade intensas vão passar pela Metade Norte gaúcha e o território catarinense nesta quinta, na sexta e no sábado.







O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.