menu
Notícias / Comercial

Conquiste o maquinário dos sonhos para o seu agronegócio prosperar

Há mais de 120 anos sendo tradicional parceiro para desenvolver as comunidades onde atua, o Sicredi tem produtos e serviços relacionados a todas as cadeias produtivas do agronegócio.

Data de publicação: 29 de agosto de 2023
Hora: 08:59h
Fonte: Sicredi Região da Produção RS/SC/MG



Concretizar sonhos – ou aproveitar o momento para facilitar o dia a dia do seu negócio no agro com a ajuda da tecnologia – estão mais perto de você por meio do Sicredi. Na sua instituição financeira cooperativa, você conta com um atendimento descomplicado e especializado, além de taxas mais justas para adquirir as máquinas e os equipamentos necessários para o seu empreendimento prosperar. Uma das formas é pela contratação de financiamento.

 

— Temos o interesse genuíno de cooperar para o desenvolvimento econômico em nossas regiões de atuação. O crédito é fundamental para viabilizar diferentes formas de modernização de estruturas, bem como criar oportunidades para aumentar o acesso a máquinas e equipamentos que melhorem o trabalho nos empreendimentos do agro —, destaca o gerente de Ciclo de Crédito da Sicredi Região da Produção RS/SC/MG, Ricardo Enderle.

 

Outra opção disponível para ampliar ou renovar seu maquinário é o consórcio, que são compras colaborativas feitas em parcelas pagas por um grupo de pessoas. Durante a realização da Expointer, feira agropecuária que está acontecendo até 3 de setembro no município de Esteio (RS), estamos oferecendo condições especiais de pagamento para consórcios, com desconto de até 30% na taxa de administração.

 

Para fazer uma simulação para crédito ou consórcios de máquinas e equipamentos, procure a agência Sicredi mais próxima ou chame no WhatsApp (51) 3358-4770.

 







O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.