menu
Notícias

Rondinha - Alunos vivem o encanto da Páscoa com a decoração das Praças Municipais



Data de publicação: 6 de abril de 2022
Hora: 09:40h
Créditos: Joel De Brito/DiárioRS
Fotos: Joel de Brito



Como já veiculado anteriormente, o Município de Rondinha, por meio das Secretarias de Educação, Assistência Social e CRAS, confeccionou uma belíssima ambientização das Praças Padre Eugênio e do Bairro Aparecida, tendo como tema central a Páscoa.

A decoração explora tanto a parte religiosa da morte e ressurreição de Jesus Cristo, quanto o lúdico que lembra os símbolos pascais, como o coelho e os ovos de chocolate.

Diante desta temática tão linda, foi realizado um cronograma de visitação dos alunos das escolas municipais e estaduais correspondentes à educação infantil e anos iniciais. Todas as turmas foram deslocadas até a Praça Padre Eugênio tendo como locomoção a carretinha do coelho e ao chegar na praça são recepcionados com música e alegria.

Em seguidas os alunos percorrem a ambientização da praça até chegar na casa do coelho, local onde ouvem histórias, recebem pintura facial característica e participam de uma atividade chamada “caça ao tesouro de páscoa”, onde por fim, todos alunos encontram os tesouros e trocam por chocolate. Sem dúvidas, são momentos lúdicos, alegres e divertidos. Essa atividade com os alunos acontecerá até o dia 13 de abril.

Cabe salientar, que dentre tantas ornamentações e espaços, algumas se destacam:  A casa do coelho é um lugar especial, pois dá ênfase a importância da família na sociedade; A fonte decorada que nos remete a acolhida aos visitantes; A cruz simbolizando a fé e a religiosidade; O veículo Fusca decorado em forma de coelho trazendo a sua imagem como lazer; as bicicletas, coelhos, cenouras e ovos decorativos que traz a fantasia e o encanto da Páscoa para as crianças e adultos que se deixam motivar pela magia pascal.







O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.