Search
Close this search box.

Menino de 8 anos morre em Passo Fundo após diagnóstico equivocado no hospital municipal; Vereador denuncia falhas no sistema de saúde

Gustavo, um menino de apenas 8 anos, morreu em Passo Fundo devido a um diagnóstico equivocado no sistema de saúde local. Inicialmente diagnosticado com apendicite no hospital municipal, Gustavo foi erroneamente enviado de volta para casa, enquanto na verdade sofria de uma pneumonia avançada, conforme posteriormente descoberto no Hospital São Vicente.

A tragédia se desdobrou quando Gustavo, já em estado crítico, enfrentou múltiplas paradas cardíacas durante a noite, supostamente devido à falta de leitos disponíveis na UTI do hospital. Somente após esses episódios críticos ele foi transferido para a CTI, mas, infelizmente, não foi possível reverter seu quadro. O vereador Saul Spinelli, presidente da câmara dos vereadores de Passo Fundo, trouxe o caso à tona em uma sessão legislativa, levantando sérias questões sobre os protocolos de atendimento e a capacidade do sistema de saúde local.

Familiares e a comunidade estão exigindo respostas sobre as circunstâncias que levaram à morte prematura de Gustavo, em meio a um debate crescente sobre a qualidade e a eficiência dos serviços médicos em Passo Fundo.

Créditos:

Redação

Fonte:

Agora no RS

O DiárioRS não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse, as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.